Cirurgia na boca

Qualquer tipo de cirurgia na boca exige uma lista de cuidados. Ou seja, após as cirurgias bucais, como em qualquer outra, o paciente precisa seguir a risca as orientações que o dentista lhe faz.

Entre as principais orientações, podemos listar:

  • completo repouso;
  • evitar ingerir alimentos quentes por 24 horas;
  • evitar alimentos duros principalmente nos primeiros dias;
  • não cuspir;
  • não fumar;
  • não fazer bochechos, nem mesmo com água;
  • higienizar a boca corretamente.

Quanto a higienização, é crucial manter a boca bem limpa depois da cirurgia para evitar infecções. Porém, o local da cirurgia não deve ser higienizado de forma direta.

Isso porque, não se deve passar a escova em cima do coagulo cirúrgico, pois isso pode gerar um trauma, podendo causar sangramentos, rompimento dos pontos e até mesmo o comprometimento da cicatrização. As outras regiões da boca podem ser higienizadas normalmente.

Para higienizar o local da cirurgia na boca, deve-se então fazer o uso do bochecho antisséptico específico (indicado pelo dentista), depois de 24 a 48 horas da cirurgia.

Quando realizar uma cirurgia na boca?

Os motivos para realizar uma cirurgia na boca são muitos e podem derivar de diversos fatores.

Esse tipo de intervenção cirúrgica bucal é bastante comum e necessária em situações como as de implantes dentários, extração do siso ou de dentes com possíveis infecções, que causam dor, desconforto e outros transtornos.

Os cuidados no momento de realizar a cirurgia são de total responsabilidade do médico responsável, porém, não se pode esquecer dos cuidados pós cirúrgicos prescritos, alguns já mencionados acima.

E quanto a medicação pós cirurgia na boca

O cirurgião dentista responsável pela cirurgia na boca irá prescrever uma lista de medicamentos para impedir que o local do procedimento possa infeccionar ou inflamar.

Podem ser prescritos analgésicos leves, simples ou fortes, sedativos, anti-inflamatórios esteroides ou não-esteroides e, certamente, antibióticos.

Quanto ao tempo de medicação, trata-se de um item a ser estabelecido pelo profissional, mas de modo geral são três dias para a medicação analgésica, e de cinco a quinze dias para os medicamentos antimicrobianos.

Além disso, depois da cirurgia na boca o dentista também pode receitar alguns enxaguantes bucais específicos, assim como géis e demais produtos para a higiene da região.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende cirurgia na boca:


cirurgia na boca
cirurgia na boca